Círculo

Biquíni Neon de Crochê – a tendência do verão 2016

Postado por: Círculo em 30/09/2015 Categorias: Celebridades, Crochê, Ideias e Inspirações, Look do Dia, Moda, Novidades, Produtos, Tendência, Verão 2016

Uma tendência handmade que estará com tudo neste verão: o biquíni de crochê!

biquíni-neon-de-crochê3-603x402

A peças neon de crochê serão as queridinhas da próxima estação de calor. Os modelos originais são assinados pela estilista turca radicada em Nova York, Ipek Irgit, da marca Kiini, mas algumas marcas e principalmente artesãs, que estão sempre ligadas nas tendências, já se inspiraram e confeccionam modelos que são praticamente réplicas. Você que curtiu a nova moda pode fazer os seus usando o nosso fio ANNE. Alie qualidade a uma cartela de cores completa e tenha as peças mais lindas do mercado.

biquini-artesanal01

É fato: para curtir as praias e piscinas nesta temporada, vale apostar no crochê! Peças feita à mão, são sempre únicas, estilosas e modernas. Veja algumas celebridades que já aderiram a esta belezinha e inspire-se:

Aline-Riscado-1

Ana-Paula-Siebert-2-603x400

Ana-Paula-Siebert-3

Camila-Angel-de-Verdades-Secretas-603x361

Flávia-2-603x603

Giovana-5-603x603

Ildi-Silva

Ivi-1-603x603

Lala-Rudge-ilha-de-capri-Itália-2-603x598

Adriana Sant'Anna

Aline Riscado

Amanda Djehdian

Mergulhe nesta tendência que será uma ‘febre’ nas orlas e clubes do verão /2016.

ATENÇÃO: no mês de Outubro a Círculo lança uma revista com o tão desejado PAP da peça… fique ligada e garanta os seus exemplares!

assinatura blog

Imagens: Instagram.

Entrevista com Pedro Igor – Roko e Toka (SP)

Postado por: Círculo em 29/09/2015 Categorias: Ideias e Inspirações, Look do Dia, Moda, Produtos, Tendência, Tricô, Workshop

Hoje mostramos a entrevista super bacana que nossa artesã Bruna Szpisjak fez com o Pedro Igor, que é atendente da loja Roko e Toka em SP. Ele adora tricotar e tecer em tear de prego, vejam:

Pedro Igor Coelho

Este é o Pedro Igor Coelho, de 19 anos, atendente da loja Roko e Toka em SP

1. Quando você começou a fazer trabalhos manuais?
- Aprendi a fazer trabalhos manuais quando comecei a trabalhar na loja Roko e Toka como atendente de loja responsável pelo setor de linhas.

2. Com quem aprendeu?
- Eu tinha 18 anos quando iniciei meus conhecimentos com a professora Rose, que leciona aulas de artesanato na loja.

3. Quais técnicas manuais você domina?
- Domino o tear de prego e o tricô.

4. Com qual fio você mais gosta de trabalhar?
- Gosto de trabalhar com a Lã Seda da Círculo, porque é macia e atende bem as duas técnicas.

04307d6a6dbcd34855d5ec3818ffd2286a07432b

Conheça mais sobre o fio AQUI.

5. Que peças você gosta de fazer e como escolhe as cores?
- Gosto de trabalhar com cachecol e moda masculina. Escolho a cor de acordo com o gosto do cliente e tom de pele da pessoa.

6. As pessoas não acham estranho você fazer tear e tricô?
- Não… principalmente a minha namorada me considera um rapaz super prendado. Minha família acha bacana também, por ser uma terapia e um passatempo divertido. Minha mãe me diz que é uma forma de ganhar dinheiro e que não é nem um pouco vergonhoso.

Pedro, nós da Círculo concordamos com sua namorada e família e nos orgulhamos muito de ver jovens como você interessados pelas artes manuais. Que seu talento e sucesso só aumentem e que você use cada vez mais os nossos produtos.

laseda

peças confeccionadas com LÃ SEDA, o fio preferido do Pedro. todos os PAP estão disponíveis em www.circulo.com.br 

Você também conhece uma história assim bacana? Envie-a para informe@circulo.com.br e ela poderá aparecer aqui no Blog!

Até a próxima,

assinatura blog

Sapatos Bordados

Postado por: Círculo em 28/09/2015 Categorias: Bordado, Eu que fiz, Ideias e Inspirações, Moda, Tendência, Verão 2016

A personalização está em alta! Todos desejam ser singulares e diferentes… É aí que surge a pergunta: como conseguir isto?

Uma solução antiga (e super eficiente) é a técnica da customização. A ideia de customizar as coisas, para dar uma ‘cara nova’ a elas surgiu na década de 60 com os hippies, e naturalmente, com o passar do tempo, atingiu todo o mercado!

Quem já trabalha com artes manuais não vai encontrar nenhuma dificuldade nesta jornada e, quem não trabalha, não deve ter medo. Disponibilizamos tutoriais incríveis em nosso site para você se aventurar, arrisque!

[DICAS]:

Com a nossa meada MAXI MOULINE você pode bordar muito! A cartela de cores completíssima (com 300 opções) somada a qualidade do fio, vai deixar suas aplicações ainda mais lindas e requintadas.

Nossos lançamentos BORDADO INGLÊSTECIDO RENDA, CADARÇO SARJADO, PASSAMANARIA, PONTO PALITO, SOUTACHE e SIANINHA também podem ser ótimas opções na hora de repaginar uma peça.

Como o verão está chegando, trouxemos ideias para bordar que estão super em ascensão: rasteirinhas e alpargatas com motivos florais e coloridos… inspire-se e coloque as ideias para funcionar:

220915-lale-popup-store-1 boho2-550x412 Espadrille-Mexico-Crua-Par1 Espadrille-Mexico-Marinho-Par1 Espadrille-Mexico-Vermelha-Par1

450_1361

0168800500002U-01-BASEIMAGE-Hires

peça da Maria Leque, feita com CLÉA.

7

1511289_683609971782422_8988991500370567009_n

10420342_598076900335730_145004687883359462_n

10565259_601657303311023_4186872244182365243_n

11001908_622324244577662_8369278842582253502_n

11140338_659560054187414_1855932006618670510_n

Seja para você ou para presentear, tenha certeza que peças assim exclusivas (e lindas) farão o maior sucesso.

Se fizer a sua, poste nas redes sociais com a #semprecirculo pra gente ver.

Até a próxima,

assinatura blog

A moda como protagonista

Postado por: Círculo em 25/09/2015 Categorias: Costura, Crochê, Dicas, Ideias e Inspirações, Moda

Recebemos um texto muito interessante de uma leitora e resolvemos compartilhar com vocês… Quem quer saber mais sobre os filmes que abordam a história da moda?! Confiram o que escreveu Andreza Souza, de São Paulo. 

Da criação da costura a produções cinematográficas; conheça os filmes que abordam a história e o desenvolvimento da moda no mundo

A origem da costura data de muitos anos, mas com seu desenvolvimento, a prática não só se difundiu por todo mundo, mas foi a responsável por manter a produtividade de uma das indústrias mais ricas atualmente: a indústria da moda.

Embora os estudos sejam imprecisos, estima-se que a técnica de costurar nasceu há aproximadamente 30 mil anos. Naquele tempo, a costura era utilizada apenas como forma de produzir peças que protegessem os europeus do frio, mas com o passar dos anos, as roupas se tornaram símbolos de status e os costureiros passaram a ter um papel fundamental nas sociedades. Essa transformação fica evidente na sociedade persa, onde existem preciosos registros de peças que ofereciam conforto e eram personalizadas.

A costura artesã durou até a Revolução Industrial. O conhecimento que era passado de mestre para aprendiz deu lugar a costura em escala industrial e a máquinas que faziam este tipo de trabalho.

O crochê, como a costura, tem origens antigas e foi um dos responsáveis por criar peças personalizadas, com toques de sofisticação. Também de origem incerta, acredita-se que a técnica nasceu na Arábia e chegou à Espanha por rotas comerciais do Mediterrâneo; também existem registros que o crochê já existia na China, na produção de bonecas e na América do Sul, em adornos usados em rituais da puberdade.

Com a Revolução Industrial, tanto o crochê quanto a costura, se tornaram objetos de valor imensurável. A produção em escala industrial de roupas fez com que as peças exclusivas se tornassem símbolos de riqueza e sofisticação e que a indústria da moda alavancasse, transformando-se no que ela é hoje.

Todo este desenvolvimento, o aperfeiçoamento das peças e a criação das grifes mais caras do mundo ganharam as telas e, hoje, documentários e filmes são produzidos pensando em mostrar mais sobre a história da moda mundial e de como ela ganhou tanta representatividade. A maioria estão disponíveis em canais de televisão paga, como os pacotes da Net ou em streams como o Netflix ou Youtube.

A Costura do Tempo

O documentário de Kátia Klock retrata a história da indústria têxtil do Vale do Itajaí, desde a influência dos imigrantes europeus até pontos mais atuais, como as vidas dos jovens estilistas. Com cerca de 40 minutos de duração, a produção também trata sobre questões importantes presentes no universo da moda como, por exemplo, a ideia de estilo, identidade e perenidade.

O diferencial é que Kátia também conta com a participação de sua mãe, Marli Klock, costureira desde os 14 anos. A atuação de Marli, por vezes em companhia da diretora, dá um ar intimista a obra de 2014.

Trailer: https://vimeo.com/47477981

The Secret World of Haute Couture

O documentário produzido pela BBC em 2007 mostra o universo da alta-costura. Dirigido por Margy Kinmonth, a obra de 60 minutos, conta o que é a alta-costura, onde se produz e quem tem acesso a ela.

Trailer: https://vimeo.com/99469251

Unzipped

Lançado em 1995, o documentário acompanha o designer Isaac Mizrahi que, na época, era namorado do diretor, Douglas Keeve. O documentário de 1h13min mostra toda a tensão e nervosismo do estilista diante da divulgação de sua coleção de 1994. Com participação de Naomi Campbell, Cindy Crawford, Kate Moss, Christy Turlington e Linda Evangelista.

Trailer: https://www.youtube.com/watch?v=irIUyh38WFw

Marc Jacobs & Louis Vuitton

O documentário, dirigido por Loïc Prigent, prestigia a vida de dois nomes marcantes no mercado da moda mundial: Marc Jacobs e Louis Vitton.

A produção de 75 minutos conta com imagens de Paris, na França, mostrando detalhes de como funciona a criação de uma coleção da Louis Vitton – alguns são imperdíveis. Viajou também ao Japão, onde a gravação é feita durante um desfile com direito a festa para clientes da marca. E, para fechar com chave de ouro, Marc Jacobs é abordado em Nova York, onde o documentário retrata seu lado engraçadinho e genial.

Trailer: https://www.youtube.com/watch?v=34kZA7YpVxk

Quem curtiu as dicas? Achamos as ideias super bacanas para reunir as amigas e programar uma sessão pipoca para assistir… que tal?!

Até mais,

assinatura blog

Celebridades da Semana

Postado por: Círculo em 24/09/2015 Categorias: Celebridades, Crochê, Ideias e Inspirações, Look do Dia, Moda, Produtos, Tendência, Verão 2016

Mariah Bernardes e Ana Paula Siebert arrasaram no CELEBRIDADES DA SEMANA de hoje:

Mariah Bernardes

A blogger Mariah Bernardes chamou atenção de seus seguidores essa semana ao postar um look lindo e super elegante. Inspire-se nesta receita aqui e faça o seu com ANNE.

A produção é uma opção certeira para ocasiões mais formais e que exijam algo ‘de presença’…

Ana Paula Siebert 3

Ana Paula Siebert 2

A modelo Ana Paula Siebert esteve em praias paradisíacas fotografando para sua marca beachwear e juntamente com Rafa, sua sócia, escolheu para compor a coleção um biquíni neon de crochê lindíssimo que pode ser feito com o nosso fio ANNE.

Já falamos sobre esta tendência aqui e já mostramos muuuitas celebridades que aderiram ao queridinho da vez…

Use e garanta um verão cheio de estilo.

Até semana que vem,

assinatura blog

Imagens: Instagram.

Traje Típico – Oktoberfest

Postado por: Círculo em 23/09/2015 Categorias: Bordado, Costura, Data Comemorativa, Ideias e Inspirações, Moda, Receitas, Tecidos

Mês de Outubro é tempo de festa aqui no Sul do Brasil! Mas especificamente em Blumenau/SC, de 7 a 25 de outubro, festejaremos a 32ª Oktoberfest, a maior festa alemã das américas. [saiba mais em: www.oktoberfestblumenau.com.br]

Oktoberfest é folclore, memória e tradição. Durante 19 dias de festa os blumenauenses mostram para todo o Brasil a sua riqueza cultural, revelada pelo amor à música, à dança e à gastronomia típica, que preservam os costumes dos antepassados vindos da Alemanha para formar colônias na região Sul. A cultura germânica o turista confere pela qualidade da festa, dos serviços oferecidos, através de sociedades esportivas, recreativas e culturais, dos clubes de caça e tiro e dos grupos de danças folclóricas. Todos eles dão um colorido especial ao evento, nas apresentações, nos desfiles pelo centro da cidade e nos pavilhões da festa por onde circulam, animando os turistas e ostentando, orgulhosos, os seus trajes típicos. É por essa característica que a festa blumenauense, versão consagrada da Oktoberfest de Munique, transformou-se, a partir de 1988, numa promoção que reúne mais de 600 mil pessoas por ano.

Para aproveitar a festa com direito a tudo que tem de bom, trouxemos PAP de trajes típicos (liiindos) para toda a família!

Usando tecidos, fios para bordar e as novidades em acessórios Círculo, você pode ter o traje perfeito para curtir muito os 19 dias de festa, veja só:

Traje Masculino Infantil

DSC_0015

DSC_0071

Traje Feminino Infantil

DSC_0038

DSC_0044

DSC_0051

Traje Feminino Adulto

DSC_0076

DSC_0082

DSC_0102 copy

DSC_0091

DSC_0093

DSC_0095

Cores, flores e detalhes… Ein prosit! Confira as receitas em nosso site e venha para o Sul preparado para aproveitar o melhor da festa mais querida da região…

Um abraço,

assinatura blog

Páginas:12... 4»
política de privacidade - © círculo 2017 - tag