Círculo

Como combinar as cores da estação

Postado por: Círculo em 31/07/2017 Categorias: Dicas, Inverno 2017, Moda, Tricô

Tanto no momento de fazer uma peça quando no de usá-la, uma dúvida costuma aparecer: com o que combinar? A escolha das cores é uma etapa difícil para boa parte dos artesãos, não importa se a peça é decorativa ou de moda. Pensando em dar uma mãozinha para quem está na indecisão, faremos uma série de posts dando dicas de como combinar cores.

O vídeo acima é faz uma demonstração de combinações de forma bem rápida para quem ainda não tem muita prática para eleger as cores da peça ou apenas não consegue se decidir (são tantas cores lindas, não é?). Pelos triângulos, é possível ver quais tons combinam melhor entre si – o que é uma mão na roda quando é preciso decidir rapidamente.

Para este primeiro post, escolhemos quatro cores da estação que combinam muito bem entre si: verde militar, cinza, vermelho e azul. Você pode harmonizá-las sem medo, qualquer uma destas tonalidades irá combinar com a outra. Vale lembrar que também estão na moda vários tons mais claros e mais escuros do que estes retratados na montagem, então não fique preso somente ao que vê na imagem.

BLUSA AJURADA

Blusa ajurada - verde militar, azul marinho, marrom copy

Nós já falamos sobre a tendência dos tons de Verde Militar em outro post do blog, que você pode conferir AQUI. Na foto, a blusa desta cor foi combinada com o azul marinho. Outras ideias para o verde militar são o preto, chumbo, estampas em preto e branco ou que misturem o preto com outras cores. Você também pode usá-lo para neutralizar um look que tenha cores muito vibrantes, como o pink e o amarelo limão.

PONCHO TEAR

Poncho tear copy

Nesta outra imagem, o poncho em uma nuance mais escura de vermelho é combinado com perfeição com o verde militar. Os tons escuros de vermelho vão bem com todas as tendências que citamos, além de preto e branco, que são neutros.

COLETE ARAN

Colete Aran - Vermelho e azul copy

Azul escuro com vermelho vibrante é a receita do sucesso. Se você prefere deixar a produção um pouco mais básica, pode trocar o azul escuro por um jeans. Agora, se você é ousada, invista no inesperado: faça um mix deste tom com o rosa bebê, roxo ou magenta. Evite misturar vermelho com verde (fica muito natalino) e com preto (lembra uniforme de time de futebol).

SUÉTER COM CROCHÊ DE GRAMPO

Blusa Crochê de grampo - azul marinho, vermelho, laranja copy

Aqui, mais uma prova de que o azul e o vermelho fazem um par incrível. Inspire-se para criar outras peças que tenham mais de uma cor, seja em detalhes pequenos ou uma listra grossa, como é o caso desse suéter. O azul marinho é uma cor super neutra, você pode eleger o tom para combinações mais clássicas, com cinza, preto e vermelho, ou mais inesperadas, como o verde bandeira, laranja e salmão.

PONCHO BATIK

poncho Batik - Azul marinho, cinza, branco, azul claro, bege copy

A mix de azul, branco e cinza do poncho Batik já mostra algumas possibilidades de combinação. Neste inverno, o cinza é mesmo o novo preto e, como tom neutro, combina praticamente com tudo. Se a ideia é um look mais tradicional e clássico, aposte no branco e tons sóbrios, como azul marinho, preto, marrom e verde militar, por exemplo.

MAXI TRICÔ URBANO

Maxi tricô Urbano - cinza, vermelho,  azul marinho copy

Se a ideia é uma produção mais urbana, invista em estampas geométricas. A da foto mistura vermelho e azul escuro, mas você não precisa se limitar a essa cartela. O cinza fica muito bem com amarelo, rosa pink e outras tonalidades vibrantes.

Brinque com a moda, teste combinações diferentes para entender melhor o seu estilo. Compartilhe suas criações através da #semprecirculo

Acessórios para combater o frio

Postado por: Círculo em 20/07/2017 Categorias: Inverno 2017, Tricô

Em dias frios, como os desta semana, precisamos estar preparados para enfrentar o tempo gelado com muito estilo. Além dos gorros e cachecóis que já são sucesso, trazemos para você algumas ideias de acessórios que deixarão seu look ainda mais charmoso.

O boot cuff é um detalhe que faz toda a diferença no look. A peça foi criada para ser usada de forma de um pedacinho dela fique para dentro da bota o restante para fora. A maneira de tecer a boot cuff vai depender da sua imaginação e das suas habilidades: pode ser feita de crochê ou tricô, com efeito de tranças ou liso, curtinha ou bem longa para esquentar as pernas num dia de frio intenso.

Boot-Cuff

Neste vídeo, a artesã Marie Castro dá uma ideia de como você pode fazer a sua própria peça.

Uma maneira de manter as orelhinhas aquecidas durante o período mais frio é apostar nas faixinhas e turbantes. Se você é tricoteira, não perca esta dica. Basta você tricotar uma trança e fechar com um acabamento bem escondidinho para criar uma faixa cheia de estilo.

9940

No vídeo, você confere como pode fazer faixinhas com esse detalhe trançado.

Se você prefere uma peça com menos detalhes, aposte no turbante. A artesã Marie Castro ensina um turbante lindo de cor lisa, mas você pode também pode escolher fios com efeitos estampados para fazer o seu.

Mãos geladas nunca mais! Com a luva Donatella é cheia de estilo. Além da cor turquesa maravilhosa, ela tem pontos fantasia que a tornam única.

LUVA DONATELLA

a007020c4f9d1a3e304a3e7eb2ca475b2af5518c

Com essas receitas na manga, você pode criar peças maravilhosas para se aquecer no inverno. Compartilhe suas criações através da #semprecirculo.

Gola: a peça-chave para um look estiloso

Postado por: Círculo em 03/07/2017 Categorias: Crochê, Dicas, Ideias e Inspirações, Inverno 2017, Moda, Tendência, Tricô, Vídeos

Com a queda das temperaturas, a busca é sempre por looks que sejam quentinhos e cheios de personalidade. Então, hoje viemos dar uma dica de ouro para quem gosta de se vestir bem e com praticidade: escolha uma gola maravilhosa para garantir uma dose extra de estilo. Se você está sem tempo de escolher que roupa vestir, coloque a jaqueta ou o tricô de sempre e acrescente uma gola. Com apenas essa peça, sua produção vai ficar totalmente diferente.

Ela substitui o cachecol e ainda é uma peça de baixo custo. Se você colocar na ponta do lápis, verá que vale muito a pena comprar ou fazer sua gola. Além disso, a gola pode ser usada para sobrepor várias peças, como vestidos, blusinhas, tricôs, moletons e jaquetas e casacos. Com as golas, seu look estará sempre atual e charmoso.

golas discretas

Se você é do básico ou prefere um estilo mais discreto, tons de preto, marrom, cinza ou ainda nuances próximas à cor da sua pele são as melhores escolhas. Elas complementam muito bem outras cores sóbrias ou ainda podem dar equilíbrio a uma peça que tenha uma tonalidade mais extravagante.

No vídeo a artesã Marie Castro ensina a fazer uma gola maravilhosa com o fio Amiga. Seu tom clássico torna esta peça uma ótima escolha para complementar uma produção discreta.

golas coloridas copy

Outra sugestão que damos é apostar na gola como o ponto de cor do look. Ela irá alegrar qualquer produção de tons neutros e trazer destaque para o seu rosto. Repare na foto da gola amarela: ela é super volumosa e pode ser usada ainda como capuz, protegendo o pescoço e a cabeça do frio e do vento. Ótima sugestão para quem vai viajar para países que tem o inverno rigoroso.

Dê cor ao seu look com esta peça confeccionada com o fio Barroco Maxcolor! A artesã Marie Castro mostra o passo a passo no vídeo:

Maxi golas

Quando falamos de golas, menos nunca é mais. Quanto mais volumosa e trabalhada, mais estilosa a peça é – e isso vai fazer toda a diferença na hora de montar o seu visual. A cor não importa, o que vale é a dimensão. Montar uma produção de peças ajustadas ao corpo e finalizar com uma maxi gola é garantir um visual arrasador. Agora, se você gosta mesmo é de ousadia, use uma jaqueta ou moletom oversized junto com a maxi gola.

Quer aprender a fazer uma peça dessas em casa? Então pegue as agulhas e acompanhe o passo a passo da Gola MaxChic, confeccionada pela artesã Neila Dalla Costa.

golas trançadas

A riqueza de detalhes deixa qualquer peça mais charmosa. Tranças e pontos diferenciados são a chave para quem quer fazer da gola a peça-chave de qualquer produção. Elas podem até ser mais difíceis de fazer, mas o resultado vale super a pena.

Se você quer ter uma gola trançada para chamar de sua, não deixe de conferir a receita abaixo. Aprenda a fazer as tranças em tricô com o artesão Mateus Moraes e finalize unindo as duas pontas do cachecol para criar uma gola.

Inspire-se, confeccione a sua própria gola e não se esqueça de compartilhar as suas criações pela #semprecirculo

Ponchos: para aquecer seu inverno com estilo

Postado por: Círculo em 27/06/2017 Categorias: Crochê, Inverno 2017, Tendência, Tricô

Ele surgiu para aquecer os trabalhadores rurais sul-americanos e se espalhou pelo mundo inteiro. O poncho é uma das roupas mais buscadas quando o inverno se aproxima por vários motivos: ele é prático, charmoso e dá um up instantâneo a qualquer visual. Presente nas araras de grandes marcas e também de pequenos produtores e artesãos, o poncho é uma peça que se renova a cada ano, mas nunca sai do guarda-roupa de inverno.

ponchos

A peça, de origem indígena, é usada há milhares de anos pelos povos andinos. Aos poucos, ele se espalhou pela América do Sul, principalmente entre agricultores que queriam uma peça para enfrentar o frio sem perder a liberdade de movimentos. Tradicionalmente, o poncho é feito com um pouco mais de dois metros quadrados de lã grossa e estampada, com uma abertura no centro para a cabeça. Ao longo das décadas, a peça se popularizou e hoje o poncho existe em vários formatos, cores e matérias primas.

PONCHO BATIK

Poncho Batik

Ele fica lindo usado com qualquer peça mais justa, como saias lápis, leggings e calças skinny. Se a sua ideia é montar um look sofisticado, aposte em cores neutras e produções monocromáticas. Já se sua busca é por um toque étnico, escolha os estampados. Para garantir que você passe um inverno quentinho e, claro, com um poncho lindo no seu guarda-roupa, fizemos uma seleção de receitas para você criar a sua própria peça em casa –  é só clicar no link acima da foto para ir direto à página da receita. Para a confecção, você vai precisar de: agulhas, linhas e muito talento.

PONCHO TEAR

Poncho Tear

PONCHO SQUARE

Poncho Square

PONCHO VIVAZ

Poncho Vivaz

PONCHO LILÁS BATIK

Poncho Lilás Batik

Compartilhe suas criações através da #semprecirculo

5 receitas de roupinhas de inverno para o seu bebê

Postado por: Círculo em 21/06/2017 Categorias: Crochê, Dicas, Ideias e Inspirações, Inverno 2017, Moda bebê e infantil, Receitas, Tricô

A estação mais fria do ano se aproxima e, se você tem um bebê em casa, é preciso tomar vários cuidados. Um deles é manter o bebê sempre agasalhado, para garantir que mesmo nas temperaturas mais baixas eles estejam quentinhos. Esse é o momento em que mamães, papais e outras pessoas da família pegam em linhas e agulhas para criar pequenas peças artesanais que sejam macias, quentinhas e também cheias de estilo.
Se você procura por receitas para garantir um guarda-roupa recheado de peças incríveis para o seu baby, confira a seleção de peças que nós fizemos abaixo. Para ver a receita completa, basta clicar nos links:

CASAQUINHO TIFFANY

Casaquinho Tiffany

Esse azul é super atual e combina com quase tudo. Confeccionado com o fio Mais Bebê, o Casaquinho Tifanny é aconchegante tem um toque muito macio.

CONJUNTO BEBÊ

Conjunto Bebê

O conjunto neste tom de azul super suave vai deixar seu baby ainda mais fofo. Unissex, o conjunto foi feito com Mais Bebê e Cléa.

CONJUNTO TOUCA E SAPATINHO LISTRADOS

Conjunto touca e sapatinho

Nada mais fofo do que um conjuntinho com cores super alegres. Este foi feito com Anne, o que prova que você pode sim apostar nos fios de algodão em peças para bebês.

CASAQUINHO BEBÊ

Casaquinho Bebê

O Casaquinho Bebê tem um tom de turquesa maravilhoso e é cheio de detalhes. Ele é feito em Amore Baby, uma linha que tem mais de 30 opções de cores.

TOUCA FOFURA COM POMPOM

Touca Fofura com Pompom

Quentinha, macia, com candy colors e ainda dois pompons. Não tem como essa touquinha não roubar seu coração.

Faça as roupinhas do se bebê e compartilhe as suas criações pela #semprecirculo

Arrase com Maxi Casacos

Postado por: Círculo em 19/06/2017 Categorias: Crochê, Dicas, Inverno 2017, Tricô

Eles são confortáveis, quentinhos e chamam atenção por onde passam. Os Maxi Casacos são peças statement, ou seja, são aquelas roupas que são imponentes, se destacam e atraem olhares. São peças que, sozinhas, seguram toda a produção. Você pode estar toda de preto, mas com um casacão colorido ou de pelo fake, por exemplo, já consegue transformar seu look em uma produção super diferente e estilosa.

CASACO ALASKA

casaco alaska

O maxi casaco é mais longo: ele passa dos quadris e pode se estender até os pés. Ele pode ter de modelagem mais ampla ou estreita, ser volumoso ou mais sequinho . Você pode apostar em maxi casacos lisos ou com efeitos de cores discretas para o dia a dia e deixar as peças mais ousadas para a noite. Se você gosta de cintura mais marcada, invista nas parkas. Elas garantem o look acinturado sem cair em uma produção clássica demais. Esta parka, confeccionada com Simetry, tem um efeito de cores lindo e fica ainda mais maravilhosa combinada com uma bota alta.

PARKA SIMETRY

Parka Simetry

Fizemos uma seleção de receitas para você montar looks incríveis. Incluímos desde um casaco mais discreto, que vai super bem com suas roupas de trabalho, até um casaco super colorido que é a cara de um final de semana divertido. Confira!

MAXI CASACO

MAXI CASACO

CASACO ALONGADO GOLA DE PELO

casaco alongado gola de pelo

CASACO ABERTO COLOSSAL

CASACO ABERTO COLOSSAL

CAPA MAJESTOSO

Capa majestoso

CASACO FOLIA

CASACO FOLIA

CASACO SIMETRY

cASACO SIMETRY

Inspire-se, reproduza essas peças em casa ou crie seu próprio maxi casaco. Compartilhe suas criações através da #semprecirculo

Páginas:123
política de privacidade - © círculo 2017 - tag